Faixa a Faixa: The Album - Blackpink

O primeiro álbum do girlgroup traz amadurecimento musical e o melhor do K-pop




BLACKPINK IN YOUR AREA! Após quatro anos de espera, o grupo de K-pop Blackpink lançou nesta sexta-feira (02) o aguardado álbum de estreia. Intitulado apenas como "The Album", o trabalho mostra um lado de Lisa, Jisoo, Jennie e Rosé muito mais maduro e pronto para conquistar o mundo.


As canções têm influências do hip hop e pop ocidental, mas não deixam o tradicional K-pop de lado. Além dos créditos das músicas contarem com grandes nomes como Ariana Grande e David Guetta, as meninas também aparecem como compositoras e produtoras, indicando que o lançamento também reflete bastante a identidade do grupo.


Confira o faixa a faixa do Mixtape 90:


How You Like That


Primeiro single do álbum, "How You Like That" já chegou quebrando cinco recordes do Guiness Book: vídeo mais no YouTube nas primeiras 24h; videoclipe musical mais visto no YouTube nas primeiras 24h; videoclipe musical de grupo de k-pop mais visto no YouTube nas últimas 24h; maior número de visualizações simultâneas em uma estreia no YouTube e maior número de visualizações simultâneas numa estreia de vídeo musical no YouTube.


A canção traz a marcante mistura de hip hop dos anos 90 com o pop feito pelo grupo, desta vez ainda mais confiante. O single soa como uma continuação da história contada no hit "Kill This Love", mostrando que o lado ingênuo realmente ficou para trás.


O refrão chiclete, a dança perfeita para ser reproduzida no Tik Tok e a transição para o EDM super produzido no final da canção são a fórmula perfeita para o single ter sido um sucesso e fazer ninguém ficar parado, mesmo em casa.



Ice Cream


Depois de meses soltando pistas sobre o single com feat. parceria internacional, "Ice Cream" com participação de Selena Gomez, foi lançada em agosto de 2020. Mesmo com toda a empolgação de ser o primeiro single em inglês do grupo, a faixa é o ponto mais baixo do álbum, já que soa como a mais genérica.


Escrita por Ariana Grande e Victoria Monét, a música tem uma letra bem ousada para o K-pop, com trechos como "Você pode lamber, mas está frio demais para morder". Então, não se deixe enganar pelos visuais fofinhos e rosa, porque o lado mais escuro de uma forma ou outra permeia todas as faixas do álbum.



Pretty Savage


Aqui o grupo mostra que não veio para brincadeira. "Pretty Sevage" é agrega o melhor dos lados do Blackpink, com uma ponte mais melódica, mas um refrão cheio de atitude. A letra também não fica para trás: "Menina bonita, sorridente, mas não fraca", canta Rosé.



Bet You Wanna


Mais uma música em inglês e com potencial para conquistar as playlists do mundo inteiro. Com participação de Cardi B, a faixa é o pop perfeito que mostram os vocais poderosos de cada uma das integrantes.


Depois de ter sido deixada um pouco de lado em "Ice Cream", Jisoo, a única integrante que não fala inglês, brilha e encanta com uma pronúncia perfeita. Isso indica o esforço do grupo para entregar melhor trabalho para os fãs que aguardaram o álbum por tanto tempo.



Lovesick Girls


Mulheres independentes, mas que nem por isso querem deixar o amor de lado. Esta é a mensagem escolhida para a faixa título do álbum. A faixa é a que tem mais influência do k-pop, mas mesmo assim ainda remete aos hinos que mostram a força das mulheres de outros girlgroups como "Shout Out To My Ex", do Little Mix.



Crazy Over You


Mais uma vez Blackpink faz da música uma montanha-russa de sons. Quando você acha que a canção vai para um caminho, elas surpreendem e finalizam com uma produção completamente diferente. Além disso, a faixa também mostra um lado mais sensual das garotas, que é ressaltado pelo som das flautas da música árabe permeando toda a canção.



Love To Hate Me


Esta é a faixa poderia estar facilmente no repertório de cantoras como Ariana Grande. Os vocais sussurrados do refrão remetem bastante o que ela fez no seu último álbum, "Thank You Next".


Novamente a letra remete a mulheres confiantes e que preferem estarem só do que ter um amor que não merecem. "Você não vale meu amor se você apеnas ama me odiar", cantam as meninas no refrão.



You Never Know


Depois de muito girl power, o álbum termina com uma balada bem emotiva. "You Never Know" mostra o lado mais sensível e introspectivo do grupo. "Os pensamentos antigos que eu escondi profundamente. Algumas vezes me atormentam", cantam no refrão.



Com certeza este é um álbum que valeu todo o tempo de espera. As oito faixas marcam a identidade do Blackpink no mundo pop, refletindo que as mulheres podem sim ser doces e fortes ao mesmo tempo. Tem muito girlpower, farofa para se acabar na pista da sala de casa e baladas para dançar agarradinho com o travesseiro. E aí? O que você achou deste lançamento?

OutrosPots.png

Matérias Recentes

Listra.png