Entrevista: Rodrigo Teaser

Cantor, compositor e dançarino traz a Maceió a superprodução

"Tributo ao Rei do Pop" em nova roupagem

Rodrigo Teaser é o único cover do Michael Jackson citado no site oficial do Rei do Pop | Foto: divulgação

O que mais impressiona na trajetória artística de Rodrigo Teaser em paralelo a um dos maiores astros da música mundial, do qual o brasileiro homenageia desde os 9 anos de idade, é que tanto Rodrigo quanto Michael Jackson carregam a timidez como ponto de partida a extravasar suas energias criativas no palco. "No começo, era tudo brincadeira, um faz de conta, coisa de criança. Foi a minha mãe quem me incentivou na carreira artística como um processo para vencer a timidez", relembra o cantor, compositor e dançarino que está em turnê com o mais novo show do projeto "Tributo ao Rei do Pop".

Único cover citado no site oficial do superstar norte-americano, apresentações no Rock in Rio, turnês pelo Brasil, América Latina e shows já previstos nos Estados Unidos, Rodrigo trabalha no novo espetáculo ao lado de LaVelle Smith, coreógrafo oficial do Michael Jackson por mais de 20 anos e que o currículo ainda inclui trabalhos com Janet Jackson e Beyoncé. Para o artista brasileiro, que também investe na carreira autoral, a experiência de um show deve ser a coisa mais importante na lembrança do público e, em se tratando de um trabalho entregue aos fãs do Rei do Pop, o empenho da equipe é ainda mais árduo, tudo pela arte.

Os números do maior espetáculo do mundo em homenagem ao Michael Jackson fazem jus ao nome do astro: são quase duas horas e meia de show, 16 integrantes entre músicos e bailarinos, coreografias, novos arranjos com assinatura de Lavelle e mais de 60 trocas de figurinos. A paixão pela música, a arte e a história de Michael Jackson é definitivamente o que mais impulsiona Teaser a entregar essas experiências, a manter viva a memória de um dos maiores artistas da história da cultura pop.

Foi em um papo massa com Rodrigo via telefone que falamos sobre a turnê, carreira autoral, família Jackson e o artista ainda entregou uma lista com cinco discos que mais gosta. Na conversa, também pude confirmar não só o talento como o carisma desse cara que carrega o legado de um Rei que nunca morrerá. Vamos lá?


MIXTAPE: Rodrigo, você já perdeu as contas de quantas vezes esteve em Maceió, né? Ahaha Conta pra gente o que acha do público alagoano.


RODRIGO: Já estive em Maceió duas vezes com show aberto, também na vila do Carlinhos Maia e a experiência é sempre incrível. Como a receptividade calorosa é a forma mais honesta de ter o trabalho reconhecido e receber tanto carinho, eu amo estar por aqui. Agora eu estou ainda mais feliz porque venho pela primeira vez com a produção completa do "Tributo ao Rei do Pop" em um cenário completo, dois elevadores, 16 integrantes entre músicos e bailarinos e mais de 60 trocas de figurinos. Estou radiante com essa volta.

Foto: divulgação

MIXTAPE: Inclusive, o espetáculo faz jus ao nome do Michael com muita coreografia, figurinos icônicos e a parceria com o grande LaVelle Smith, coreógrafo do Rei do Pop. Como você encara esse trabalho?


RODRIGO: Confesso que estou muito feliz de trazer a produção completa nesses novos shows do "Tributo ao Rei do Pop". A parceria com Lavelle mudou toda a minha história e a história da produção, já que ter um cara desses a bordo dando dicas, torcendo, enriquecendo nosso trabalho é algo muito especial. Eu sempre gosto de entregar a melhor experiência nos meus shows, especialmente para os fãs do Michael, eu tento e busco fazer com que o público tenha A experiência ao sair do espetáculo. Era isso que o Michael buscava.


MIXTAPE: É impossível não falar sobre como a pandemia muda o rumo de todos, principalmente os artistas. Como está sendo esse retorno e como você enxerga os shows nos EUA que finalmente vão sair?


RODRIGO: A pandemia me deixou mais de 20 meses sem fazer show e, no geral, a gente foi se acostumando a se distanciar, a chegar menos. Foi algo necessário dado o contexto, precisávamos disso para o que o mal acabasse e ainda lutamos para isso respeitando os protocolos, o ritmo de cada lugar nesses retornos. Porém, esse contato com o público fez muita falta, eu estava bem ansioso com o retorno e a felicidade é gigante quando entregamos um novo show com público presente, estou muito feliz de ser recebido em Maceió e que a pandemia vá finalmente indo embora. A nossa expectativa para os shows nos Estados Unidos é enorme, visto que confirmamos as datas e começamos até a divulgação dos shows por lá e de repente veio o lockdown. Nos próximos dias iremos anunciar as novas datas e a expectativa é que a turnê pelos EUA comece em junho, com o show de Nova Iorque no dia 25 de junho (data da morte do Michael), também seremos um grupo de brasileiros se apresentando em um teatro na Broadway. Estamos muito felizes e vamos torcer que a pandemia vá embora de vez.


"Tributo ao Rei do Pop" traz mais de 60 trocas de figurinos | Foto: divulgação

MIXTAPE: Agora vamos falar do Rodrigo Teaser que também é fã e criança oitentista (hahaha). Você coleciona algo do Michael? Mídias analógicas?


RODRIGO: Nossa, super. Eu tenho algumas fitas K7, tenho a fita de "Thriller" e uma das coisas que morro de ciúmes e tenho maior cuidado é o meu toca-fitas, que também é rádio. Eu acho muito bacana essa volta das mídias analógicas e do que é retrô porque é uma forma da gente se reconectar com a música. Como criança oitentista, a história é completamente diferente de como a gente consome música hoje em dia com o streaming e o "dar play". É claro que a gente acostuma e se adapta aos novos tempos, mas o lance de ter a fita, vinil, o CD é um afeto diferente, eu considero uma maior experiência de conexão com a arte.


MIXTAPE: Fora o Michael, você acompanha os trabalhos da família Jackson? Janet e Paris?


RODRIGO: Eu acompanho tudo relacionado à família Jackson. Amo a Janet, adoro os trabalhos filantrópicos que o Prince faz seguindo o legado do pai, acompanho também a carreira musical da Paris e fico muito feliz. Como fã, eu estou inserido dentro do universo Michael e preciso acompanhar tudo. Já tive o privilégio de conversar com alguns dos irmãos e sobrinhos também. O Michael cresceu com a família toda ali e sempre vai ter essa ligação.


MIXTAPE: Vamos falar do Rodrigo Teaser em trabalho autoral? Depois de alguns singles já lançados, o que podemos esperar da nova era?


RODRIGO: O show "Tributo ao Rei do Pop" é grandioso, eu costumo dizer que ficou bem maior do que eu, porém neste ano pretendo voltar ao trabalho autoral. Tenho previsto um lançamento ao vivo com todos os singles autorais já lançados até agora junto com um cover inusitado que acho que vocês vão gostar. Fechando esse projeto tenho singles já gravados com produção dos mesmos produtores que já trabalharam com IZA e Glória Groove, um deles tem até clipe pronto. Também fui convidado pelo grupo dance "Double You" para gravar uma música com estilo meio noventista que está muito legal e minha intenção é dar foco a minha carreira autoral também. Com as minhas músicas, sempre penso em fazer essa mescla do R&B sem perder a brasilidade. Teve um dia que fui fazer show fora do país e vi pessoas cantando em português, fiquei surpreso e bem feliz.


MIXTAPE: Rodrigo, ao final da entrevista a gente pede ao convidado que deixe uma mixtape para o nosso público, qual a sua? Conta pra gente <3


RODRIGO: Vou falar de álbuns que gosto muito, então vamos lá:


- Thriller (Michael Jackson)

- Coletânea de Simonal

- The Hits/The B-Sides (Prince)

- 24k Magic (Bruno Mars)

- Djavan (1989) - aquele que tem "Oceano"

 

Rodrigo Teaser

Instagram: @rodrigoteaser

Facebook: /RodrigoTeaser

Twitter: @rodrigoteaser

Youtube: /RodrigoTeaser



SERVIÇO

Data: 29 de janeiro (sábado)

Local: Teatro Gustavo Leite, Rua Celso Piatti, s/n - Jaraguá (Maceió - AL)

Horário: 21h

Ingressos online: Tributo ao Rei do Pop

Ingressos físicos: Viva Alagoas (Maceió Shopping) e Folia Brasil (Av. Eng. Paulo Brandão Nogueira,S/N, G Barbosa Stella Maris - Jatiúca)


OutrosPots.png

Matérias Recentes

Listra.png